Ter a mão cheia de crédito: Comprar os seus jeans de grife; aquele laptop de ultimo tipo….Quem pode resistir?

Nem todos nós: De acordo com uma pesquisa nacional feita pelo Chase Blueprint, o entrevistado médio tem em torno de US $ 5.000 em dívidas de cartão de crédito e confessa que essa dívida foi o maior obstáculo existente entre ele e seus objetivos financeiros.

Mas há também muitas pessoas que utilizam crédito de forma responsável: Eles são homens e as mulheres por aí que possuem alguns cartões de crédito e raramente os usam. Preferem tê-los preparados para  uma questão de emergência.

E, quando usado dessa forma, um cartão de crédito pode ser uma coisa muito boa. Na verdade, cartões de crédito podem realmente beneficiar as suas finanças em algumas maneiras diferentes.  Como assim?

 1. Protegendo suas contas:

Uma coisa boa sobre o uso de um cartão de crédito é que ele mantém um registro eletrônico de sua atividade. Isto vem a calhar tanto quando você quer controlar seus gastos para manter o seu orçamento, como também no caso do  seu cartão ter sido perdido ou roubado.

Cartões de crédito têm algumas proteções embutidas, as quais dinheiro (ou cheques) não possuem. Uma delas é a proteção contra fraudes; a maioria dos cartões não irá responsabilizá-lo por compras feitas com seu cartão por alguém que não seja você.  Além disso, é muito mais fácil cancelar ou congelar um cartão de crédito  do que é para cancelar cheques ou alterar suas contas bancárias.

2. Melhora sua pontuação de crédito:

Sua pontuação de crédito, que é um número entre 300 e 850, e que serve como um indicador da sua credibilidade aos credores, é baseada em quão confiável e consistente  você usa o seu crédito. A pontuação é calculada a partir de 6 fatores diferentes, que representam diferentes tipos de comportamento de crédito:

  • Percentual dos pagamentos dentro do prazo
  • Utilização aberta do cartão de crédito
  • Marcas depreciativos, como contas em agencia de cobrança ou falências
  • Média de idade de contas de crédito abertas
  • Número total de contas
  • Total de pedidos de crédito rígidos

Ao usar regularmente alguns cartões e consistentemente pagá-los na íntegra, bem como ficar confortavelmente dentro do seu limite de crédito, você estará bem no caminho para um bom crédito.  Falei sobre isso mais detalhadamente aqui.

3. Fazer Reservas para férias

Quando você liga para reservar um quarto de hotel ou aluguel de carro (ou em alguns casos, uma reserva de jantar para mais de seis pessoas), uma das primeiras coisas que eles pedem é um número de cartão de crédito. Dependendo da política da empresa, eles podem usar o número para cobrar um depósito e/ou taxa de cancelamento, ou simplesmente pedir-lhe para entregá-lo de boa fé.

Isso não quer dizer que você nunca vai ser capaz de fazer uma reserva sem um cartão. Se você estiver realmente determinado, como esta mulher que passou seis anos vivendo sem crédito ( qualquer dia conto a história dela), normalmente você pode fazer uma reserva com um cartão de débito, chamando com bastante tempo de antecedência e talvez tendo que fazer um depósito de parte da reserva.

5. Ganhar milhas, pontos e dinheiro de volta

Se você ainda não começou a usar cartões que vão recompensá-lo com milhas aéreas, pontos ou dinheiro de volta, você está perdendo uma oportunidade.

Não importa como o seu cartão de crédito recompensa você (geralmente algo como milhas, pontos ou dinheiro de volta),  os sistemas geralmente funcionam da mesma forma: Para cada quantidade predeterminada que você gasta, você receberá crédito que pode trocar por algum tipo de recompensa , como um bilhete de avião, uma noite em um hotel ou simplesmente um cheque no valor economizado.

Antes de escolher um cartão com as recompensas certas, você vai querer comparar as suas opções para ver qual é o que oferece as melhores vantagens.  Sites como Credit.com ou Credit Karma podem lhe  ajudar com isso.

E, claro, isso não é uma desculpa para gastar mais em busca de alguns pontos. Mas olhe para este dilema da seguinte forma: Se você estiver realmente determinado a gastar dinheiro com seu cartão de crédito de qualquer maneira, pelo menos escolha um com as melhores vantagens.

6. Emergências

Idealmente, você teria um fundo de emergência completa: pelo menos seis meses de lucro líquido armazenado em uma conta poupança para ser usado SE e somente SE, você perde o seu emprego, ou se você tem uma emergência médica, odontológica, seu carro quebra e etc.

Mas se você tem um fundo “menos-que-ideal” de emergência, ou você está sem acesso imediato a essa conta, um cartão de crédito pode preencher a lacuna. Cobrir seus custos com esse cartão quando ocorre uma catástrofe, em seguida, pagar a conta utilizando os fundos reservados especificamente para esse fim é uma solução.

7. Regra do “30-60-90”

Esta é uma regra muito simples que quase ninguém segue, mas se seguisse, os cartões de crédito nao seriam vistos como vilões.

Ao se preparar para fazer uma compra a crédito, faça essa pergunta a você mesmo:

“Posso pagar esta conta integralmente em 30, 60 ou 90 dias?” Se a resposta for não,  muito simples: NÃO COMPRE!

Se todos seguíssemos esta regra super simples, as chances de se “encrencar” com dívidas de cartão de credito, seriam praticamente nulas.  Leia meu artigo anterior sobre isso aqui.

Em resumo: Cartões de crédito sao simplesmente uma ferramenta financeira que lhes permite alongar o seu poder de compra e uma vez utilizados de maneira correta, podem realmente auxiliar o consumidor a ter uma vida financeira mais saudável.

Agora para aqueles que infelizmente estão em uma posição complicada com seus cartões,ou seja: pagando o mínimo, sofrendo com juros altos, a resposta está ao alcance dos seus dedos… ligue para 800-920-2262 ramal 8042. Voce estará entrando em contato comigo, que trabalho para uma agência sem fins lucrativos chamada DebtHelper.com e eu farei o possível pra preparar uma proposta onde poderemos reduzir seus juros consideravelmente.  A média de juros hoje no mercado está entre 15% a 28%.  Eu consigo reduzir seus juros  para uma média de 0% a 9%.. Com isto, você conseguirá pagar menos em juros e em um prazo menor de tempo!

Fica a dica! Entre em contato se você tiver outras perguntas a respeito deste assunto.

Um bom dia a todos!