Eu estudo e escrevo sobre saúde faz um bom tempo, minha primeira graduação foi na década de 1980. Desde essa época uma coisa que é sempre repetida é a palavra desatualização. Desde aquela época nós brincávamos entre nós alunos dizendo: – Nós dormimos atualizados e acordamos desatualizados, porque do outro lado do planeta alguém está publicando algo novo”. Naquela época eu ainda não tinha ideia da importância do conhecimento básico, esse não desatualiza nunca. E eu estou falando isso porque quando se fala com cautela ou contra uma nova super descoberta, logo alguém vem e diz: – Você está desatualizada.

Isso aconteceu há alguns anos atrás quando escrevi dizendo que a terapia hormonal para a menopausa poderia ser muito perigosa. Mas hoje, sendo bem atualizada for dizer que eu estava certa. Não porque sou a pessoa mais sábia, muito pelo contrário, porque nunca desprezei o conhecimento básico do funcionamento do corpo.

Os hormônios têm funções bem definidas em nosso corpo e com a idade eles diminuem e essa diminuição provoca alterações desagradáveis que as pessoas costumam chamar de envelhecimento. Nesta nova era, na qual o envelhecimento é desprezado e temido, ingerir hormônios para brecar esse envelhecimento parece ser maravilhoso. Acontece que nosso corpo pode não achar tão maravilhoso assim.

Um estudo recente publicado na Lancet (1), mostra que as mulheres que fazem terapia hormonal para atenuar os sintomas da menopausa, têm maior probabilidade de desenvolver câncer da mama. E ainda permanecem com esse risco aumentado por mais de 10 anos depois de parar de usar os hormônios. Esse estudo analisou mais de 100.000 mulheres, então merece respeito, certo?

Pesquisas mais antigas já mostravam essa ligação com o câncer de mama, então a prescrição diminuiu e os casos de câncer de mama também diminuíram. E uma coisa é certa, quanto mais se faz a terapia hormonal, maior o risco de câncer de mama. Outra descoberta é que o uso dos dois hormônios, progesterona e estrógeno é mais perigoso que apenas o uso do estrógeno.

A explicação é até que simples. O hormônio estrógeno age nas glândulas mamárias e promove ativação celular. Se na mama já existir uma célula que esteja em processo de carcinogênese, isso quer dizer em processo de formar um câncer, o sistema imunológico terá muito menos chance de combater o desenvolvimento desse câncer. Isso porque o hormônio estará atuando em favor do desenvolvimento do câncer. Isso se chama tumor hormônio dependente.

Sem dúvida os sintomas da menopausa são muito desagradáveis e para algumas mulheres muito intensos e duradouros. Contudo, acredito que um câncer e todo o tratamento seja muito pior.

1. https://www.thelancet.com/journals/lancet/article/PIIS0140-6736(19)31709-X/fulltext

Sobre Ivani Manzo

AvatarA Dra. Ivani Manzo atende pessoas pessoalmente ou online, auxiliando a terem uma alimentação mais saudável, encontrando o melhor tipo de atividade física e melhor qualidade de vida.  A Dra. Ivani Manzo é PhD pela Escola Paulista de Medicina da Universidade Federal de São Paulo UNIFESP-EPM.  Há anos estuda o funcionamento do corpo humano. Acredita que a melhor forma de manter a saúde e a qualidade de vida é cuidando da alimentação, sono e fazer exercícios.   Para contato, visite: http://www.myclickcoach.com