No nosso dia a dia estamos expostos a diversos agentes que podem danificar nossa pele, seja a poluição do ar, os raios solares em excesso ou mesmo acidentes caseiros. Outro dia mesmo estava na cozinha, preparando um alimento no forno e, ao abrir a porta para verificar o cozimento, inadvertidamente encostei meu braço na porta quente do forno e sofri uma queimadura.

Na hora senti muita dor e ardência, por se tratar de uma queimadura que considerei “grandinha” e imediatamente comecei a tratar com o óleo essencial de Lavanda – Lavandulla angustifolia, pois lembrei de um episódio dos meus estudos em Aromaterapia, enquanto pesquisava tudo o que podia sobre o óleo essencial de Lavanda, e na ocasião li sobre René Gatefossé.

Gatefossé descobriu as propriedades curativas do óleo essencial de Lavanda em relação a nossa pele, por ter sofrido uma queimadura severa nas mãos, decorrente de uma explosão ocorrida em seu laboratório. Por não ter outra alternativa naquele momento e em razão da forte dor e ardência que sentia, não hesitou em mergulhar as mãos queimadas no container de óleo essencial de Lavanda que estava ao seu lado e, em seguida, percebeu que houvera diminuição da ardência e da dor que sentira em decorrência da queimadura.

Continuou ele a usar a Lavanda na queimadura e a observar e anotar a melhora das condições de sua pele até que a marca da queimadura sumiu por completo e sua pele ficou sem cicatrizes ou vestígios do acidente. Mais tarde ele usou o óleo essencial de Lavanda para tratar soldados feridos na Pri-meira Guerra Mundial.

Gatefossé foi quem utilizou pela primeira vez o termo Aromaterapia e em 1937 publicou seu livro com o mesmo nome.
O óleo essencial de Lavanda é cicatrizante, antiinflamatório, hidratante e restaurador, além de ser o único dentre os óleos essenciais que pode ser usado diretamente sobre a pele, especialmente em casos de queimadura.  A Lavanda é um dos óleos essenciais com o maior espectro de cura que se tem estudado, e regenera os tecidos da pele desde a camada mais
profunda. Tem ação rejuvenescedora e, ainda, trata muito bem peles com acnes e oleosidade excessiva.

As fotos seguintes mostram a extensão da queimadura que sofri, sendo que as fotos nº 1 e 2 foram tiradas 4 dias depois do ocorrido e as fotos nº 3 e 4 foram tiradas 10 dias depois do ocorrido.

o-oleo-essencial-de-lavanda-e-a-regeneracao-da-pele-2Percebe-se nas fotos 3 e 4 uma cicatrização já avançada, e já no terceiro dia após o acidente não sentia dor e nem ardência. Minha expectativa é que marca alguma desse acidente fique no meu antebraço e retornarei ao assunto trazendo o levantamento fotográfico que farei até o final do meu tratamento.

Enquanto isso não acontece deixamos registrado, ainda, que a Lavanda tem ação calmante, reduz a ansiedade, transmuta o padrão mental negativo em positivo e, também, perfuma suavemente nosso ambiente, promovendo um estado de relaxamento e confiança interior, induzindo a um sono tranquilo e reparador.

Deixe-se inundar por Lavanda e… bons sonhos.


Quer saber mais sobre Saúde e Bem Estar? Curta nossa página do Facebook.