Na série “Imigrante Empreendedor”, conversamos com Juliana Jordani, Educadora de Saúde que conta sobre como começou seu trabalho na área de Nutrição Funcional.

Anna: “Juliana, conta pra gente a sua trajetória como imigrante”

Juliana: “Anna, eu saí de São Paulo para os EUA há pouco mais de 5 anos, movida pelo desejo de ter uma maior qualidade de vida. Trabalhava com eventos, 14 horas por dia e cheguei a uma estafa mental alarmante. Minha mãe já morava aqui nos EUA e me deu suporte desde o momento que cheguei”.

Anna: “Como foi a sua transição de imigrante para empreendedora?”

Juliana: “Logo que cheguei, comecei a estudar inglês para dominar a língua, até que eu fosse capaz de fazer outros cursos profissionalizantes. Não queria mais trabalhar com eventos e aos poucos, foi surgindo na minha consciência o interesse por comida saudável por conta de uma úlcera que tinha no estômago na época. Comecei a pesquisar e estudar, por conta própria, nutrição baseada em plantas e alimentos inteiros, ou seja, alimentos sem qualquer fonte animal.

Fui fazendo os testes no meu corpo e verificando o quão melhor eu me sentia a cada dia! Em 3 anos, glúten, laticínios (lactose incluso portanto), carnes, açúcar e farinha refinados e produtos processados, já quase não faziam parte da minha nutrição. Minha melhora e interesse eram tão nítidos que resolvi me dedicar mais ainda a esse novo mundo que descobri: decidi que faria o melhor curso na área e iria trabalhar com isso! Mesmo que tivesse que ir estudar em outro país e voltar!  Depois de pouco tempo de pesquisa, me deparei com a melhor notícia que jamais teria imaginado: o melhor curso estava aqui, do meu lado! Foi então que fui estudar no mundialmente renomado Hippocrates Health Institute, em West Palm Beach. Foi uma imersão completa, onde vivemos lá por 9 semanas intensas e me graduei como Health Educator (Educadora de Saúde).”

Anna: “Que dificuldades você tem encontrado?”

Hazelnut Orange Triple Cheesecake

Hazelnut Orange Triple Cheesecake

Juliana: “Na sequência decidi fazer um treinamento com a empresa Kitchen of Life – com a qual trabalho hoje como autônoma – que é especializada em atender os clientes a domicilio, auxiliando na transição da nutrição através de um programa bastante completo que contem aulas de preparação de comida e o fornecimento de material didático e documentários em DVD – sendo toda alimentação baseada em plantas e alimentos integrais.

Basicamente, meu trabalho pode ser definido por Nutrição Funcional, onde estudo o caso de cada pessoa de forma individual e detalhada, seja motivado por alguma doença ou o simples e sábio desejo de aprimorar sua nutrição. Tem sido um prazer indescritível trabalhar nessa área, mas como em toda nova situação, tenho encontrado alguns pequenos obstáculos. Por exemplo, o meu tipo de credencial, “Health Educator”, já é reconhecido por diversos estados, mas não pela Florida (onde moro), o que faz o percurso ser mais longo, pois ainda estamos “desbravando a mata”. Mas isso é temporário. A tranquilidade que nós, Health Educators, formados pelo Hippocrates Health Institute temos, é tão grande de estarmos no caminho certo, além da certeza de que temos todo potencial para ajudar a humanidade a sair desse padrão de doença que se instala cada vez mais com a super industrialização da comida, nos faz saber ser apenas uma questão de tempo para que nosso trabalho se perpetue. É inevitável.

Eggplant Quinoa

Eggplant Quinoa

Anna: “Qual seu objetivo maior?”

Juliana: “Meu maior objetivo é exatamente esse: ajudar o maior número possível de pessoas a despertar para o entendimento de que comida é para nutrir o corpo; dando o alimento correto, o corpo faz o que é programado a fazer: curar e PREVENIR doenças. Comida não é feita para preencher problemas emocionais e a Nutrição Funcional trata disso, pois olha o ser humano holisticamente – cuidamos do físico, mental e emocional.”

 

Anna: “Soube que você estará envolvida no projeto Wawwe (We are what we eat).  Qual é o seu envolvimento?”

SaladJuliana: “O aplicativo Wawwe está vindo para revolucionar o mundo “health” e com todo o prazer do mundo resolvi unir forças com os criadores e durante a campanha, estou oferecendo consultas iniciais a apoiadores como uma porta de entrada para meus futuros serviços, dando a todos a oportunidade de responder perguntas nutricionais que possam ter. Também teremos planos Detox oferecidos por 3 ou 7 dias. Tudo será feito online para agilizar e facilitar a entrega do serviço. Futuramente, quando acontecer o lançamento oficial do aplicativo, estarei “full time” com o Wawwe através de uma conexão entre meu website ao aplicativo (RSS) onde todos da Wawwe poderão acessá-lo diretamente quando em busca de informações, receitas, dicas, etc ou como uma consultora e Health Educator pessoal para os nossos usuários – sempre focada no aumento da concientização nutricional.”

Anna: “Juliana, muita sorte nos seus projetos!”

Juliana: “Obrigada Anna pela oportunidade”.


Quer saber mais sobre Empreendorismo nos E. Unidos?  Curta nossa página do facebook para receber notificações sobre o que publicamos.