Flórida aprova lei que força cidades a cumprirem leis imigratórias
Recorde de pessoas abre mão de cidadania americana e de green cards em 2015

O congresso da Flórida acaba de aprovar uma medida imigratória nessa quarta-feira dia 4 de fevereiro de 2016 que penalizará orgãos que não cumprirem com autoridades de imigração.

A medida, apoiada em grande parte por Republicanos, demonstra a importância da questão imigratória nas eleições presidenciais de 2016. “Tenho certeza que vários imigrantes são boas pessoas, mas não podemos acolher todas as boas pessoas do mundo”, foram as palavras do Republicano Larry Metz, de Yalaha.

Sete condados do Sul da Flórida e de Tampa foram analisados, e foi constatado que os mesmos tinham regras que limitavam a cooperação entre agências legais locais e a imigração. A American Civil Liberties Union afirma que o número de condados que serão impactados pela nova medida é de pelo menos 30 condados.

O que isso significa para os imigrantes da Flórida?

Ainda é muito cedo para saber a extensão da medida, mas acredito que haverá a implementação de medidas que forçarão polícias municipais e do condado a reportar o status imigratório de pessoas que cometam mesmo pequenas infrações. Será difícil definir aonde acaba o papel da polícia e se inicia o papel das autoridades de imigração.

Além disso, é possível que a lei não chegue às mãos do Governador Rick Scott antes do fim da sessão de 60 dias que termina em Março/2016, de acordo com o proponente da lei, Senador Aaron Bean.

Cidades como Lauderdale Lakes e Aventura, por meio de seus deputados, já se manifestaram contra a medida, e é importante que os residentes da região entrem em contato com seus deputados e senadores por email, carta ou telefone para manifestar sua posição em relação à medida.

Uma lista de representantes locais pode ser encontrada no site www.myflorida.com lembrando que todos os emails enviados se tornam parte dos arquivos públicos (Public Records).


Quer saber mais sobre imigração? Curta nossa página do Facebook.

Renata Castro, Esq. é advogada de imigração. Renata está disponível por E-Mail: renata@renatacastrolaw.com.

10 Comments

  1. renata castro

    Ola Sara, leis imigratorias sao federais. A Florida nao tem o poder, pelo menos nao ainda, de executar leis imigratorias.

    Reply
  2. Sara Paz

    Sou advogada no Brasil , gostaria muito saber se a lei de imigracao da Florida e baseada em jurisprudëncia e casos julgados. Se a resposta for positiva em qual saite poderia emcontrar essa lei.
    Atenciosamente,
    Sara.

    Reply
  3. Wilson

    Queria saber se mais uma vez os imigrantes foram prejudicado.

    Reply
  4. Márcia Maria Gomes Carvalho

    Dra..gostaria de uma informação sua…passei sete anos no USA, entrei legal, mais esse tempo que passei fiquei trabalhando ilegal, decidi voltar ão meu país..não me adpitei resolvi voltar, no aeroporto de Miami fui deportada, me deram 5 anos pra reivindicar novamente um visto. Lhe pergunto, qual chance eu teria deles me libera um visto?..tenho um sonho de voltar pra passear, pois amo esse país.

    Reply
  5. Helio Augusto

    Muita boa a matéria, estou sempre acompanhando pelo site. Estou planejando ir pra Fl no próximo ano (2017) com minha esposa, mais com as eleições chegando será que as leis imigratórias irão ficar mais rigidias?

    Reply
    • Renata Castro, Esq.

      Helio, a verdade e que a situacao como um todo esta mudando rapidamente. Marcia voce somente sabera se tera um visto se tentar. Boa sorte!

      Reply
    • Rodrigo

      Helio, cada estado tem suas próprias leis, eu atualmente resido na FL mas se essa lei for sancionada, o que acredito que deve ocorrer pois o governador é republicano, vou procurar outro estado para viver com minha família… essa é a vantagem de viver nos EUA, se um estado é rígido outro pode ser mais leniente, e existem pelo menos 10 estados nos EUA que são tranquilos para os imigrantes viverem e que inclusive permitem a concessão da habilitação para dirigir. Não se baseie em uma notícia apenas, te garanto que apesar das barreiras impostas, ainda assim vivemos com mais dignidade aqui nesse país. Deus te abençoe irmão.

      Reply
  6. Fabiano Valentim

    O que eu acho, é que somos todos filhos do mesmo Pai, então, teríamos que ter o livre arbítrio para escolher onde morar e fazer a vida, com esposa e filhos.
    Isso nos entristece muito, porque afinal, somos todos iguais, a Terra não é de ninguém….
    Só um pequeno desabafo….

    Reply
    • DataFlowUSA

      Fabiano eu entendo o seu desabafo, mas nāo so as leis migratorias dos USA sao duras, no proprio Brasil ela é durissima. Você devera preencher alguns requisitos para poder entrar legamente nos USA para garantir segurança para você e sua familia. Procure um advogado idoneo que possa te assessorar para você nāo cometer erros que poderao te prejudicar. Agora respondendo o seu porque, imagine moradores de rua entrando na sua casa para morar, comer da sua comida sem ter pedindo licensa, isso é como os ilegais fazem.. Estes criterios exigidos, pelas nações, sao para a evitar entrada de pessoas que possam colocar em risco a integridade do pais e cidadāos. Boa Sorte!

      Reply
      • Rodrigo

        Que infeliz sua metáfora ao comparar imigrantes com mendigos…imigrantes vem pra esse país e trabalham duríssimo, inclusive fazendo trabalhos que nem mesmo os nativos estão dispostos à fazer, dão duro, trabalham muito. Barreiras nunca trouxeram desenvolvimento ou progresso em lugar nenhum, a segregação é extremamente nociva para uma sociedade…esse filme já conhecemos e sabemos que daqui alguns anos, talvez algumas décadas irão perceber que cometeram um grave erro ao “expulsar” imigrantes do estado, aliás os efeitos serão sentidos na própria “pele” a partir de 1 de julho, se a lei for sancionada e entrar em vigor. Imigração é um fato desde os primórdios da humanidade, e ao simplesmente mudarmos de endereço, mesmo que para o mesmo bairro, estamos imigrando… esse é o efeito que um lugar desenvolvido tem. Venho de uma região do sul do Brasil que também recebe muitos imigrantes, mas do próprio país, vindos em sua maioria do Norte e Nordeste, se passassem uma lei na câmara de vereadores locais proibindo a vinda de migrantes para a cidade, você acharia correto? mas lei é lei, não é mesmo? não importa sua escala ou alcance, logicamente que não seria justo, assim também acho que não é justo oprimirem imigrantes em outros países. abraço

        Reply

Comentarios?

Your email address will not be published.