Para começar vamos esclarecer que sentir dor não é normal. Muitas pessoas ainda acreditam que fazer exercícios e sentir dor no dia seguinte ou dois dias depois é o correto e assim que deve ser. Mas não … isso não é correto.

No nosso corpo existem estruturas nervosas que são capazes de sinalizar na forma de dor quando há alguma coisa errada, ou seja, alguma estrutura prejudicada ou lesionada. Sim, eles conseguem perceber quando há dano e sinalizam na forma de dor.

Quando fazemos exercícios, seja ele qual for, exercícios com peso, aeróbicos ou alongamento, sempre há uma carga. Sempre que a carga for maior que aquela que seu organismo está acostumado haverá rupturas de estruturas internas no músculo. Se essas rupturas ocorrerem dentro da célula muscular, que também pode ser chamada de fibra, não haverá um processo inflamatório e não haverá dor. Essas estruturas que se rompem são estruturas proteicas e são aquelas que fazem contração e extensão muscular. O nome dessas estruturas é sarcômeros e isso se chama micro lesões.

[su_youtube url=”https://www.youtube.com/watch?v=-qjd5qRtS3o” width=”800″][su_video url=”https://youtu.be/3LCq5jnlUP0″][/su_youtube]

A inflamação e consequentemente dor se dá quando ocorre ruptura de células. É a ruptura de membranas que gera inflamação. Quando o processo inflamatório se instala existem em maior ou menor intensidade os sintomas: DOR – CALOR- RUBOR-EDEMA e PERDA DE FUNÇÃO. Ao contrário do que muitos acreditam a inflamação é necessária para que ocorra reparo.

Ou seja, para que o organismo se restabeleça. Os anti-inflamatórios são usados apenas quando a inflamação é muito intensa. Esse reparo pode ocorrer de duas formas, por regeneração ou por cicatrização. Na regeneração o local é reparado e volta a ser exatamente como era antes da lesão. Na cicatrização o local é reparado com um tipo de tecido chamado conjuntivo fibroso. Esse tecido é duro, não flexível e seja onde for a cicatriz, esse é o tecido que será colocado no local. Esse tecido não faz contração e extensão, e no músculo humano dificilmente ocorrerá regeneração e sim ocorrerá cicatrização.

Isso quer dizer que a prática frequente de exercícios que provocam inflamação, leva a formação de pontos de cicatrização no músculo e ao longo do tempo esse músculo fica mais fraco e aumenta muito a probabilidade de uma ruptura. Pode ocorrer dor durante os exercícios seja pela acidez provocada na região, seja pela obstrução temporária de alguns vãos sanguíneos, porém essa dor passa assim que o exercício terminar. Pode também ser um indicativo de uma carga muito alta para você.

O uso de anti-inflamatórios como prática devido a treinos muito intensos é extremamente prejudicial a longo prazo. Os efeitos do treinamento devem ser esperados em média após dois meses de treino. Tentar acelerar esse processo, fazendo exercícios com cargas muito elevadas, pode prejudicar muito os músculos. O início dos treinos deve ser de acordo com o seu nível de treinamento assim como tudo na vida.  Aos poucos você irá melhorando o seu desempenho.


Quer saber mais sobre Saúde e Bem Estar? Curta nossa página do Facebook.