Emagrecimento: as respostas eu já tenho, agora o que eu faço pra mudar?
Emagrecimento

Quando queremos emagrecer, mas não conseguimos é sinal de que alguma peça está faltando para montarmos esse quebra cabeça. E qual será?

Se o seu excesso de peso não tem relação com algo físico, que justifique esses quilos a mais, então, provavelmente tem comido além da conta, não é mesmo? E por qual motivo, se você diz querer emagrecer?

Para mudarmos é importante termos um motivo real, sincero, dentro de nós, já que iremos experimentar fazer algo diferente do que estamos acostumados e nos mantermos nesse novo caminho. Motivação é ter um motivo para a ação, para agir de modo a nos aproximar de nosso objetivo.

Agora, se você quer emagrecer, vai bem a semana inteira, por exemplo, e quando chega o fim de semana você come além do necessário, saiba que tem uma razão de ser e sugiro investigar isso. O que aconteceu nesse seu fim de semana que sentiu vontade de comer a mais? Antes de sentir aquela vontade, como você estava se sentindo internamente? O que passava em sua cabeça? E em seu coração? Qual a função da comida nesse momento?

O impulso ou vontade de comer quando não estamos com fome biológica é um comunicado de nosso corpo para nós mesmos e quer nos dizer alguma coisa importante. Só que em vez de ouvirmos esse recado e utilizarmos essa informação como aprendizado sobre nós mesmos e a nosso favor, comemos e abafamos o caso!

Quando queremos algo e vamos na direção contrária a isso, é porque nessa direção contrária tem algo, naquele momento, mais importante do que o emagrecimento. E o que será?

Pode ser, por exemplo, necessidade de atenção, afeto, carinho, descanso, alívio, amor, paz, extravasar a raiva, engolindo-a com algo macio e saboroso, assim não sentimos o seu gosto amargo etc. Cada um sabe onde esse outro caminho pode levar, mas uma coisa é clara, indo nessa outra direção, oposta ao emagrecimento, temos algum ganho. E qual será o seu? Pense nisso.

Roberta Alves é jornalista, palestrante, blogueira, coach com Certificação Internacional, atriz, locutora, apresentadora, pós-graduada em Sócio-Psicologia. Possui extensão em Psicologia Hospitalar com ênfase em Transtornos Alimentares e Obesidade. É Master Practitioner em Programação Neurolinguística e ex-gorda. Durante sete anos fez quase de tudo para emagrecer e há dezenove anos esse objetivo foi alcançado. A experiência adquirida antes, durante e depois do emagrecimento, somada a constantes estudos, é a matéria-prima de seu trabalho. Seu e-mail rderoberta@gmail.com.

0 Comments

Comentarios?

Your email address will not be published.