As informações sobre nutrição, o que comer, quando comer ou não comer tomam as redes sociais como se todas as pessoas fossem profundos estudiosos da nutrição humana. Conselhos e mais conselhos sobre alimentação saudável. Claro que difundir informações é fundamental para que mais e mais pessoas possam se alimentar corretamente. Porém, na maioria das vezes a informação é levemente modificada por um e por outro e por outro, até que no final ela se torna errada. Parafraseando Monteiro Lobato; quem conta um conto, aumenta um ponto!

E com isso o erro se espalha rapidamente porque com grande frequência ele vem da tentativa de explicar o complicado. Vamos a um exemplo. Quantas vezes no supermercado você encontra nas embalagens escrito, 12 Grains ou 12 grãos, 10 grãos, grãos ou whole grains? Muitas vezes.

A ideia que essas embalagens passam é que quanto mais grãos melhor, mais saudável. Mas será que isso é correto? Ou ainda será que esse conceito de comer grãos é válido para todas as pessoas? É preciso pensar.

Os grãos geralmente são ricos em gorduras. Na maioria das vezes a qualidade das gorduras é muito boa, mas é gordura. Isso quer dizer que contém muita energia. Então para uma pessoa que esteja tentando diminuir a gordura corporal pode não ser muito indicado usar alimentos ricos em grãos. Eles podem aumentar a quantidade de energia ingerida em grande proporção e diminuir a velocidade de perda de gordura corporal. Para quem precisa diminuir a energia definitivamente não é uma boa opção.

Outro ponto é que existe gordura em muito alimentos eleitos como insubstituíveis para algumas pessoas. Se a dieta for rica em grãos, a proporção desses alimentos ricos em gordura terá que diminuir. Por exemplo a carne vermelha. Na carne vermelha há uma grande carga de gordura, e se a dieta já tiver muitos grãos teremos que pensar em diminuir a ingestão de carne por exemplo. Isso não é bem aceito na maioria das vezes.

E ainda pessoas que têm diverticulite não podem ingerir grãos. Eles podem desencadear uma crise e isso definitivamente não é bom.

Este é apenas um aspecto do que pode fazer a generalização de uma informação correta, mas sem a devida explicação. Ou seja, os grãos são alimentos saudáveis e calóricos. Podem ser ingeridos em pequenas quantidades pelas pessoas que desejam emagrecer e ainda devem ser evitados pelas pessoas que têm diverticulite. Simples assim.