Esse post é baseado em uma matéria que publiquei anteriormente no LinkedIn

A primeira vez que uma pessoa me disse que tinha um MBA eu fiquei super impressionada e pensei que ela deveria ganhar rios de dinheiro! Hoje em dia, ter um MBA se tornou algo trivial.  Numa época em que tantas universidades estão oferecendo MBA a baixo custo e sem obrigatoriedade de se fazer o exame de entrada (GMAT), isso fez com que um MBA passasse a ser uma mera extensão de um bacharelado.

Certificações, por outro lado, tem se tornado bastante atraentes para empregadores. O que se aprende para tirar uma certificação é mais relevante e específico para a sua indústria, comparado com os temas bem abrangentes e até irrelevantes que são ensinados em um MBA.

É claro que existem muitos programas excelentes de MBA, mas o quero dizer é que o valor da educação hoje, comparado com anos atrás, não é o mesmo. Portanto há várias razões para se buscar uma certificação. Dentre elas:

1) Seu conhecimento no assunto é validado

Muitos estudantes estão indo direto de um bacharelado para fazer um MBA sem ter nenhuma experiência. Esses estudantes entram no mercado de trabalho ainda crus, ao passo que algumas certificações requerem comprovante de experiência. Para o empregador, essa garantia poderá ser bem mais valiosa.

2) É uma validação mais atual

Certificações tem data de validade e requerem que você se mantenha em dia com o conteúdo, seja participando de eventos, assistindo aulas, ou fazendo o exame novamente após alguns anos.   Um bacharelado ou MBA pode ter sido terminado anos atrás, e não existe nenhum comprometimento de que o aluno precise se atualizar.

3) É mais rápido de conseguir

Esperar 18 meses (mínimo) para terminar um MBA pode significar muito tempo para um profissional que precise de uma movimentação rápida. Uma certificação pode ser terminada em menos de um ano, dependendo da área de atuação. Você poderá ter que mostrar evidência de projetos ou experiência; essas certificações podem levar um pouco mais de tempo, mas com certeza menos tempo que um MBA.

4) É bem mais barato

Não há comparação.

5) Se não lhe ajudar, você terá pelo menos um título para sua satisfação pessoal

Daniel Gilbert escreveu uma matéria em 2012 chamada “O valor da alegria” para a revista Harvard Business Review e ele disse que “empregados se sentem mais felizes quando eles tentam alcançar objetivos que são difíceis, mas não fora do alcance”. Estudar para uma certificação e fazer o teste podem ser tarefas cansativas, difíceis mas não impossíveis. O sentimento que você tem de ter alcançado um título profissional não tem preço!

Recomendo a qualquer pessoa que busque certificação que seja relevante para o trabalho que ela faz atualmente ou para o trabalho que ela gostaria de fazer.

Bons estudos e boa prova!


 

Quer ler mais sobre capacitação profissional?  Curta nossa página do Facebook.